Posts

Como não perder mais vendas ? Entenda melhor como classificar a temperatura de suas Propostas comerciais.

Você já se perguntou porque está perdendo vendas que já estavam quase ou praticamente fechadas?

Sabe quando o cliente sai da reunião e diz o seguinte “Quais são os próximos passos?” ou aquele famoso “negócio fechado”.

E então você volta para o escritório, altera o status do seu sistema de CRM para “ganho” e já considera aquele valor no seu resultado de vendas.

No outro dia, quando você precisa dar seguimento ao processo de atendimento ao cliente, ele parece simplesmente ter “mudado de ideia”

Isto pode acontecer porque talvez você não esteja qualificando o interesse do seu cliente na sua proposta de forma correta.

Antes de analisarmos os motivos que estão fazendo você perder vendas, vamos entender o que leva o processo de decisão de compra da maioria das empresas.

Hoje em dia em um cenário de grande competitividade onde as empresas estão buscando cada vez mais eficiência em seus investimentos e retorno deles, a decisão de aquisição de qualquer serviço não funciona mais de forma monocrática, e sim por meio de um comitê envolvendo mais de uma pessoa daquele determinado departamento ou segmento.

Em algumas empresas, é comum já ter uma verba destinada para a realização de investimentos e quase sempre precisam ser justificados pela expectativa de retorno.

Para a formação da tomada de decisão favorável, geralmente são envolvidas 3 figuras neste processo: o influenciador técnico, o financeiro e o decisor.

Isto significa que no processo de vendas da sua empresa, é importante definir uma abordagem específica para cada perfil desses “stakeholders”.

Uma visão que contribui positivamente de forma geral para todos os envolvidos no processo de decisão, é a: Visão de autoridade!

E a autoridade da sua empresa em fornecer soluções ou produtos no seu segmento, deve ser construída desde a comunicação institucional da sua empresa até a entrega do serviço.

Essa imagem de autoridade, faz com que o cliente sinta a tranquilidade e confiança de que está fazendo negócio com uma empresa que vai atender suas expectativas e no mínimo suas demandas.

Mas as vezes o cliente demonstra total interesse e pede uma cotação do seu serviço e quando você envia a proposta comercial que acredita que vai atender as necessidades dele, de repente ele some.

E isso cria um enorme ponto de interrogação: Por que o cliente mudou de ideia?

Para responder essa pergunta, antes você precisa descobrir a temperatura do negócio.

De forma simplificada, vamos classificar 3 níveis: frio, morno e quente.

Mas como descobrir qual a temperatura do negócio ?

Faça uma análise depurada de negócio e responda as perguntas abaixo:


  • O valor da proposta está validado com o cliente ?
  • A sua proposta atende a necessidade do cliente ?
  • A sua empresa é reconhecida como melhor opção ?
  • Os riscos deste negócio está cobertos ?

Se a resposta das perguntas acima forem “sim” o seu negócio está quente para fechamento, e o controle do fechamento do negócio está em suas mãos.

Faça uma consulta: (11) 4872 2812 • comercial@kafnet.com.br

 

 

Low-Code Tendência ou Necessidade?

Cada vez mais as organizações estão mudando os processos de forma rápida e necessitando de agilidade constante de suas equipes, e como sempre, há um software suportando alguns de seus processos.

Imaginando um cenário em que um item deva ser mudando e é “Para Ontem”, a importância é para a sobrevivência de uma unidade de negócio ou mesmo para avaliar a eficácia de um processo.

Em uma aplicação desenvolvida por linguagem convencional, a criação de algo novo ou mesmo alteração de um processo, poderá levar algumas semanas para disponibilizar ao cliente final e também custará tempo e dinheiro da equipe de desenvolvimento.

As linguagens de Low-Code foram criadas para agilizar o processo de desenvolvimento, permitindo criar aplicativos através de configurações de funções já existentes e mesmo que seja necessário criar novos códigos, serão desenvolvimentos com agilidade e baixa complexidade.

Vivemos em um momento de escassez de desenvolvedores e ambientes suscetíveis a mudanças constantes.

Low-Code mais que uma tendência é mesmo uma necessidade, pois processos simples que hoje estão divididos em diversas e complexas planilhas, podem ser absorvidas por uma aplicação que demandou pouco mais de 1 semana para ficar pronta. Redução de custo de desenvolvimento.

 

Low-Code só reduz custo de desenvolvimento?

Geralmente as soluções de Low-Code reduzem custo de desenvolvimento por terem baixa complexidade dos códigos e funções utilizadas, mas há um benefício de utilizar infraestrutura especifica que reduz custos OnTime de aquisição e suporte de Servidores.

Aplicativos criados nesta tecnologia podem melhorar também os processos de transferência de conhecimento para a equipe técnica e treinamentos para as áreas clientes do aplicativo.

 

Com Low-Code posso criar aplicativos para dispositivos móveis?

Algumas soluções já possuem plataforma de desenvolvimento para IOS e Android, atendendo uma demanda de aplicativos para dispositivos móveis.

A portabilidade de uma aplicação desenvolvida em Low-Code para dispositivos móveis possuí a sua complexidade reduzida, geralmente as alterações serão na usabilidade do usuário, ajustes de tamanho de campo e tipos de consultas dos dados.

Ainda há necessidade de um desenvolvedor para criar uma aplicação Low-Code?

A necessidade sempre existirá e também é aconselhável ter um bom profissional de desenvolvimento.

Ao criar aplicativos utilizando ferramentas de Low-Code o seu desenvolvedor ganhará agilidade, mesmo em processos difíceis e complexos. Podendo focar em melhor qualidade da entrega do software e gastando menos tempo para entregar o projeto tão sonhado.

 

As aplicações são seguras quando desenvolvida em Low-Code?

Low-Code além de uma metodologia, há também a ferramenta que propicia a sua execução, em soluções de mercado conceituadas, os requisitos de segurança da informação e também performance são constantemente atualizados e revisados.

Utilizo a solução Zoho Creator, sendo a solução com maiores recomendações na PC Magazine e possuí uma grande quantidade de usuários, sem contar os desenvolvedores qualificados nessa plataforma.

 

Quais as recomendações para obter sucesso em um projeto Low-Code?

Ter bem definido os processos de negócios que serão automatizados dentro de sua empresa.

Escolher uma solução conceituada no mercado, recomendo o Zoho Creator.

Ter um parceiro de desenvolvimento que você confia e que conheça a solução. Hoje a Kafnet já possui mais de 20 projetos desenvolvidos em Zoho Creator e profissionais qualificados e certificados para atender melhor às necessidades de seu projeto.